Como preparar suas importações pós pandemia

Como preparar suas importações pós-pandemia

No início de 2020 fomos surpreendidos pela notícia da pandemia do novo Coronavírus que resultou, rapidamente, em uma crise econômica mundial. Hoje, grande parte da população vive em isolamento social, a fim de diminuir a propagação do vírus. Esse cenário nos levou à uma nova realidade, em que governos e empresas precisam readequar e revisar seus planejamentos. Evidentemente, isso inclui também o Comércio Exterior. Descubra a seguir as mudanças que aconteceram, como preparar suas importações pós-pandemia e as previsões para o setor.

Como ficou o comércio internacional

Assim como a maioria dos setores, o Comércio Exterior não escapou das consequências da Covid-19. Os impactos levaram a rupturas de cadeias globais de valor. Com o fechamento de fronteiras e de até de empresas, diversas atividades foram suspensas ou sofreram atraso. Por outro lado, o Brasil não parou seus negócios com o exterior, uma vez que o alto investimento em tecnologia realizados permite que grande parte das atividades sejam feitas remotamente.

Mudanças na importação

Já no início da crise, alguns países reviram alguns procedimentos, como redução tarifárias e medidas de flexibilização para aquisição de produtos médicos. Inclusive o Brasil conseguiu reduzir parte dos impostos de importação em diversos produtos para o combate do vírus, entre outras medidas para que empresas brasileiras consigam produtos para comercialização interna. Para acompanhar as medidas que o Governo Federal vem tomando, o site do Sebrae separou uma lista com as mudanças adotadas para ajudar a combater os riscos ao Comércio Exterior, tão importante na retomada do crescimento após o fim da pandemia

Como preparar suas importações pós-pandemia?

O mercado, de maneira geral, tem seus altos e baixos. Por isso, a palavra da vez é o planejamento! É importante começar a pensar desde já na organização, para que quando as atividades forem retomadas normalmente, não seja pego de surpresa. É preciso estar atento a novas soluções, produtos e até mesmo adaptações, se necessário. Uma dica é investir em planejamentos personalizados e estar cercado de dados e informações concretas e transparentes para se preparar da melhor maneira possível. Não deixe de acompanhar as movimentações e não deixe de aprender!

Projeções para o Comércio Exterior

Os efeitos da pandemia sobre a economia e a vida das pessoas devem durar mesmo após o fim da mesma. Não é tão simples prever o futuro, mas um estudo recente do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (IPEA), estima que a pandemia causará uma retração nas exportações brasileiras que variam entre 11% e 20%. Ainda de acordo com o IPEA, o crescimento das exportações em 2021 deve ficar entre 10% a 15% e das importações entre 10% e 20%.

Já o relatório emitido pela Organização Mundial do Comércio (OMC), prevê um cenário onde a queda poderia ser entre 13% e 32% este ano, dependendo da duração da pandemia e da efetividade das respostas, mas também um cenário mais otimista. No cenário otimista, as exportações sofreriam queda de 17,7% em 2020, recuando para US$ 185,4 bilhões. Enquanto a recuperação deve ocorrer em 2021, com estimativas incertas que podem variar de avanço de 21,3% a 24%.

Se você é importador ou exportador, aproveite o momento para fazer seu projeto de operação com a melhor viabilidade econômica e operacional, e esteja preparado para a retomada dos negócios!

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>